Amazon Prime
Tese sobre um homicídio: suspense argentino

Tese sobre um homicídio: suspense argentino

Quando se trata de cinema argentino, um dos primeiros nomes que vem a minha mente é o do Ricardo Darín, um famoso ator que é um grande ícone na Argentina, com fãs espalhados por vários países, inclusive aqui no Brasil, tendo a mim como uma grande fã do seu trabalho.

               Fonte: Biff/Divulgação. Mostra competitiva. Ator Ricardo Darín no filme Tese sobre um homicídio.

Sendo assim, não poderia deixar de compartilhar um dos meus filmes favoritos de suspense investigativo que tem o Darín como protagonista. E quando se fala do gênero de suspense, os argentinos sabem fazer obras instigantes que captam toda a nossa atenção. Tese sobre um homícidio é um suspense argentino que está disponível na plataforma da Amazon Prime. A trama gira em torno do assassinato de uma jovem no estacionamento em frente à Universidade de Buenos Aires.

                                                                        Foto: Divulgação

Roberto Bermúdez (Ricardo Darín) é um professor universitário do curso de Direito na Universidade de Buenos Aires, especialista em Direito Criminal e leciona em um curso de pós-graduação que tem uma duração de 2 meses. Durante esse período, os estudantes terão que escrever uma tese para ser entregue no fim do curso.

                                                                                           Foto: Divulgação

Um de seus alunos, Gonzalo Ruiz (Alberto Ammann), é um jovem advogado argentino que morou na Espanha para fazer sua graduação e tinha acabado de voltar a Argentina, especialmente, para participar do curso ministrado pelo Roberto, pois segundo ele, tinha uma grande admiração pelo professor que é um velho conhecido de sua família.

                                                                                         Foto: Divulgação

Gonzalo se aproxima cada vez mais do professor, mostrando ser um homem muito inteligente e perspicaz, que gosta de questionar sobre temas jurídicos, dando a entender que nem sempre a Justiça acontece de fato. Há uma cena em que ele diz a seguinte frase ao Roberto: “Posso esmagar uma borboleta e matá-la, e isso não é ilegal. Agora, se a borboleta for da coleção de um milionário, posso ser preso. Não é o ato em si que é julgado.”

                                                                                         Foto: Divulgação

Durante uma das aulas, acontece o assassinato da jovem e Roberto vai até ao local para ver o que de fato aconteceu. Chegando até lá, ele se depara com o corpo da moça e repara em um detalhe que lhe chama bastante a atenção. Ela está usando um colar com um pingente de borboleta e logo, ele se lembra da frase dita pelo seu aluno. A partir daí, ele começa a desconfiar que Gonzalo está envolvido no crime.

                                                                                      Foto: Divulgação

Roberto vai até à delegacia para ter acesso ao caso através do delegado que é o seu amigo. Ali, ele conhece a jovem Laura Di Natale (Calu Rivero) que é a irmã da vítima. A partir de então, ele começa uma amizade com ela e está determinado a descobrir quem foi o assassino para trazer um pouco mais de consolo à garota.

                                                                                   Foto: Divulgação

Cada vez mais, as atitudes e conversas de Gonzalo faz Roberto se convencer de que ele é o assassino e que o mesmo quer ser descoberto pelo professor. Começa assim a montar um quebra-cabeça, tentando encontrar provas que se encaixem e que incriminem o rapaz. O professor se envolve completamente no caso e isso afeta seu sono e psicológico.

O filme é instigante e prende bastante a nossa atenção. Eu fiquei tão aflita quanto o professor e estava convencida de que Gonzalo era o assassino. Não sou uma grande fã do curso de Direito, mas confesso que esse filme trouxe uma curiosidade sobre Direito Criminal e o ambiente da Universidade de Buenos Aires me fez querer estudar lá. Não poderia deixar de falar também que a atuação do Darín está incrível como em todos os seus filmes.

                                                                                       Foto: Divulgação

Se você gosta de filmes desse gênero investigativo, creio que vão gostar deste. Afinal, Gonzalo é mesmo o assassino? O crime foi premeditado ou a vítima foi escolhida ao acaso? 

Se quiser saber mais, assista ao trailer:

Alguém já conhecia esse filme? Se sim, gostaram? Deixem seus comentários

0

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *